“E reconheceram que eles haviam estado com Jesus”.

Atos 4:13

 

Esse deveria ser o sonho, o desejo, o anelo de todo cristão: “se parecer com Cristo”. Pedro, ao ser interrogado pelos sacerdotes respondeu com ousadia, graça e sabedoria tal que os membros do sinédrio, observando o jeito deles e seus modos, chegaram a uma conclusão inequívoca: “esses homens andaram com Jesus, pois se parecem com Ele”!

A grande questão é: o mundo reconhece que estivemos com Jesus? Nossas palavras, bondade, amor e integridade refletem o caráter de Cristo em uma sociedade caída? Oh, meus queridos irmãos, tenho a impressão que está acontecendo exatamente o contrário! Parece que cada vez mais estamos nos conformando a esse mundo! Estamos tão sofisticados, modernos, imediatistas, sem tempo para amar, sem estômago para perdoar, sem disposição para evangelizar, sem recursos para abençoar uma multidão incontável de homens carentes e doentes! Deveríamos manifestar a doçura de Cristo, fazer brilhar Sua luz, condenar as obras das trevas, assim o mundo: “Reconheceria que eles haviam estado com Jesus”.

Será que o mundo não reconhece que estamos com Jesus porque, na verdade, não estamos mesmo? Não gastamos tempo com Ele? Não andamos com Ele diariamente, ao ponto de nos saturamos do Seu amor e conhecimento?

Pois essa será a única maneira que o mundo, os incrédulos e os outros irmãos na fé reconhecerão que estivemos com Cristo: se de fato estivermos com Ele! Nutrindo uma comunhão diária em oração, meditando em sua Santa Palavra e fazendo boas obras, assim cumprir-se-á o texto que diz: “Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus” (Mateus 5:16).

 

No amor de Cristo,

Paulo Junior

Clique aqui, para baixar “Me Pareço com “ELE”? – Paulo Junior” em PDF em seu computador.

COMPARTILHAR